Gerenciando gatilhos inevitáveis

  • home //
  • Gerenciando gatilhos inevitáveis

Gerenciando gatilhos inevitáveis

Autoria:

Elba Ribeiro Cevero

Direitos Autorais:

Este texto está protegido por Direitos Autorais e sua  reprodução ou uso em parte ou na sua totalidade estão proibidos.

 

 

Os gatilhos emocionais são disparados em nós em vários momentos, podem ser disparados quando ouvimos alguma coisa que remete a algum momento vivido no passado. Pode também disparar um gatilho emocional quando vemos alguma cena que pode levar o inconsciente a reviver algo ruim do passado. Há também gestos e palavras que  quando vivenciados podem fazer os gatilhos serem disparados.

 

Quando um gatilho emocional dispara em nós passamos a ter comportamentos e atitudes negativas e que nos fazem sofrer, por isso seguem algumas dicas  de como gerenciar esses gatilhos:

 

 

Gerenciando gatilhos inevitáveis

 

1 – Faça coisas contrárias às emoções negativas

 

Por exemplo:

 

- Se você se sentir mal no meio de muitas pessoas, procure em vez de se isolar e ficar solitário vá a lugares onde há muitas pessoas para que você possa se acostumar estando no meio de muita gente. Isso fará você se adaptar com essa situação em vez de evitar as emoções se isolando.

 

 

2 – Procure criar coisas positivas que possam levar você a despertar boas lembranças   

 

- Procure criar experiências que despertem em você boas lembranças, existem gatilhos positivos que podem ser disparados com ações, pensamentos e atitudes positivas. Encontre pensamentos bons, pense em uma coisa que você goste, que ache estimulante, que ache bom e belo, isso fará despertar coisas e gatilhos positivos em você. Faça coisas que lhe tragam bons sentimentos e que possam estar ligados a boas lembranças como passear em um parque com seu cachorrinho do mesmo modo como você fazia na infância.

 

 

3 – Veja exemplos de como agir para evitar gatilhos negativos

 

- Procure coisas que te distraiam de modo que evite você focar em sentimentos negativos.

 

- Faça alguma atividade como um curso, uma hidroginástica, meditação, relaxamento, yoga, ou mesmo qualquer atividade física que te agrade, faça coisas que te dêem prazer, participe de algum grupo.

 

- Procure fazer coisas que criem sentimentos bons e positivos como dançar, passear no parque, encontrar amigos que te agradem, assistir programas de humor, fazer algo que te faça feliz.

 

- Procure fazer algum exercício que te ajude a não focar nos sentimentos negativos como: ler, escrever um diário, se você gosta de jogos como vídeo games procure usar isso como uma válvula de escape, faça artesanato, desenho, seja voluntário em algum grupo,  pintura, ou qualquer coisa que faça sua mente se manter focada nas coisas boas da vida.

 

- Procure terapia ou alguma coisa que te faça relaxar como massagem, um banho relaxante, nadar, terapias em grupo.

 


/